Arquivos do Blog

O Facebook “ostentou” na compra do Whatsapp?

Tudo indica que o Facebook não pagou demais ao comprar o Whatsapp recentemente. O gráfico preparado pela startup Brightside fez uma interessante comparação entre o custo por usuário em dezenas de aquisições ocorridas nos últimos anos pelos três gigantes das plataformas digitais: Yahoo, Google e Facebook. Confira:custo por usuario whatsapp

 

Eleições X Redes Sociais

Com a proximidade das eleições este ano, as timelines e murais começam a serem bombardeadas por mensagens politicas dos mais variados partidos, candidatos e afins. Há quem goste, discuta e defenda seu ponto de vista e há quem odeie esse tipo de mensagens, mas como o perfil é individual, cada um compartilha aquilo em que acredita. Agora se seus amigos vão gostar ou não é outra história.

Gostando ou não a questão é: as pessoas estão mudando sua opinião política. O motivo? Os novos meios de comunicação. Tal afirmação foi colocada pelo (oráculo) Google, que lançou no dia 24/07 o “Four Screens to Victory”, onde mostra como está ocorrendo essa mudança, com base nas eleições dos EUA. Segundo eles a vitória depende de quatro telas: TV, mobile, tablete e computador. O que vai de encontro com o que temos acompanhado ao longo dos últimos anos, o crescimento do uso da internet por celulares e a febre dos tablets.

Diferentemente dos EUA onde uma boa parte da verba para campanhas políticas é investida em mídias digitais, no Brasil não se vê o mesmo empenho, apesar de políticos usarem de certa maneira as redes para falar das suas propostas. Será que teremos mudanças vindo por aí!?

fonte: ProXXIma

Google lança novo visual para o Gmail

O Gmail acaba de ganhar um novo visual, assim como algumas outras ferramentas do todo poderoso Google já ganharam. O novo visual traz maiores possibilidades de personalização, visualização, temas, pesquisas e por aí vai. Para quem quiser conferir a novidade basta acessar a sua conta e clica em “trocar para nova aparência”. Abaixo você confere o vídeo com a apresentação da novidade.

O Google X Sua Memória

O Google é o que poderíamos chamar de uma espécie de “oráculo: tudo sabe, tudo vê”. Um infinito de informações estão disponíveis a poucas palavras, ajudando e facilitando o acesso de todos elas, este é o lado positivo. Mas, há o lado negativo nisso tudo, com tal facilidade nosso cérebro fica mais preguiçoso. Confira no infográfico abaixo os prós e contras. (via UpdateorDie)

Vem aí o Chromebook!

O Google anúncio o lançamento do Chromebook, a partir do dia 15 de junho as vendas começarão. Mas ao que parece não será um computador convencional. Segundo o site os “Chromebooks são construídos e otimizados para a web, onde você já gasta a maior parte do seu tempo no computador. Então você terá uma experiência mais rápida, mais simples e segura, sem todas as dores de cabeça de computadores comuns.” Ou seja, será um computador somente para navegar na internet. Será?

Ele virá em duas versões, um fabricado pela Acer, com tela de 11,6 polegadas e outro produzido pela Samsung, com 12,1 polegadas, o custo estimado é de US$ 400 e a cada trimestre novos lançamentos serão feitos.  No Brasil o Chromebook deverá chegar somente no final do ano, mas ainda não há data prevista para o lançamento.

Google lança seu botão “Curtir”

Após um ano que o Facebook passou a oferecer o botão “Curtir” para sites, o Google resolveu contra-atacar. O gigante das buscas vai lançar o seu botão, chamado de “+1”, que irá aparecer ao lado das buscas e permitirá que o usuário “curta”, recomende o resultado para seus contatos. A princípio, como de costume, a novidade será apenas para alguns usuários. O compartilhamento/indicação através do botão poderá ser feito através do Gchat, Gmail, Google Reader e Twitter. Além disso, os usuários irão visualizar a quantidade de “votos” que o resultado recebeu e visualizar as fotos dos perfis de contatos que derem “+1” click no novo botão. Torcemos para que não seja outra aposta furada do Google, assim como foi o GoogleBuzz.
Fonte: ProXXIma

E se as redes sociais fossem a escola?

Como seria se as redes sociais fossem a escola? A quais dos grupinho ou panelas elas pertenceriam? Abaixo você confere onde cada rede social se encaixaria se fossem alunos de uma escola.

clique aqui para ver maior
Fonte: Flowtown
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 50 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: